HIFA se destaca em tecnologia com projeto em parceria com a USP

04.10.2023


Desde 2022, o HIFA vem colhendo bons frutos resultados da TeleUTI, projeto desenvolvido em parceria com o Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo – USP, que vem salvando vidas de pacientes que passam por tratamento na UTI Materna do HIFA Maternidade. 

Recentemente, um caso que salvou a vida de um bebê, mesmo após a morte encefálica da mãe, ganhou repercussão com reportagem exibida no Globo Repórter, um especial que abordou a tecnologia na saúde. 

“Para nós enquanto gestão, trata-se de um destaque muito importante. Somos referência em UTI obstétrica, mas não só isso, somos o único hospital no Estado que participa do projeto do Hospital das Clínicas, e nos destacamos como um hospital SUS com tecnologia e assistência de qualidade. A reportagem só reforçou que o avanço está presente não somente nos grandes centros ou maiores hospitais, mas também no Sul do Espírito Santo”, afirmou.

Sobre o projeto a Dra. Rosely Freixo, médica coordenadora da Maternidade, afirma que tem o objetivo de melhorar ainda mais a qualidade, segurança e a prática médico-assistencial das gestantes e puérperas em tratamento na UTI.  

“Diariamente, inclusive aos finais de semana, realizamos videochamadas com profissionais da USP para falar dos quadros clínicos dos pacientes mais críticos que estão conosco. A partir daí adotamos protocolos e condutas que já deram certo com pacientes já acompanhados pelos profissionais do Hospital das Clínicas. Essa troca é fundamental, pois aumenta ainda mais a chance de sucesso nos tratamentos realizados”, destacou.

O HIFA integra uma rede de instituições do SUS, em 11 estados, que participa do programa, coordenador pelo InCor e financiado pelo Ministério da Saúde. As primeiras ações do projeto iniciaram em março de 2022 e nos primeiros seis meses reduziu quase pela metade (47,6%) a razão de mortalidade materna nas UTIs dessas instituições. No HIFA, a TeleUTI deve início em 11 de setembro.

Acompanhamento presencial

Além do acompanhamento presencial, há também treinamentos presenciais. Como foi o que aconteceu em outubro do 2022, em que a equipe da USP veio até a maternidade para treinar os profissionais. Na oportunidade aconteceu visita técnica nas áreas da maternidade, capacitação da equipe, discussões sobre o cenário materno infantil e sobre o projeto.

Comentários

Mais Notícias